Pezão e Mir se enfrentam em Porto Alegre no UFC Fight Night

Publicado: 21 de fevereiro de 2015 em Esportes
Tags:, , , , , , , ,

pezao mir

Em seu primeiro evento no Rio Grande do Sul, o Ultimate Fight Championship promove no Ginásio Gigantinho, em Porto Alegre, mais uma edição do UFC Fight Night, com uma luta entre os peso pesados Antônio “Pezão” e Frank Mir.

Natural de Brasília, Pezão iniciou sua carreira em 2005, já nocauteando seu adversário no primeiro assalto. Com seu estilo que mistura jiu-jitsu brasileiro, karatê shotokan e judô, passou a fazer parte do UFC em 2011, e foi derrotado em sua primeira luta pelo ex-campeão Cain Velasquez. Entre vitórias e derrotas, enfrentou grandes nomes do MMA em sua categoria, mas não chegou a conquistar o cinturão do peso pesados.

Frank Mir nasceu em Nevada, nos EUA, e é conhecido como um dos mais completos lutadores da sua categoria em todo o mundo. Famoso por provocar seus adversários, é faixa preta em karatê kenpô e jiu-jitsu brasileiro, mas também pratica boxe, wrestling, muay thai e kickboxing.

Sua estreia no UFC foi em 2001, quando derrotou Roberto Traven e recebeu o prêmio “Finalização da Noite”. Em 2004 conquistou o cinturão dos peso pesados ao derrotar Tym Silvia aos 50 segundos do primeiro assalto. No mesmo ano, ele sofreu um grave acidente de moto e lesionou os ligamentos do joelho. Durante a recuperação de Mir, um cinturão interino da categoria foi criado.

O lutador só voltou ao octógono em 2006, contra Dan Cristison, quando obteve uma difícil vitória e gerou comentários sobre não estar mais preparado para lutar. Suas lutas seguintes pareciam confirmar estas opiniões, porém, no UFC 81 em 2008, Mir não só venceu Brock Lesnar como mais uma vez ganhou o prêmio “Finalização da Noite”. Sua recuperação rendeu uma participação na oitava edição do reality show The Ultimate Fighter ao lado de Rodrigo “Minotauro” Nogueira. Mir finalizou o ano conquistando o cinturão interino de sua categoria contra “Minotauro”.

No UFC 100, criado para unificar os cinturões oficial e interino, Mir encarou novamente Lesnar, mas foi derrotado em uma luta que entrou para a história do UFC por suas brigas e discussões dentro e fora dos octógonos. Mir então decidiu tomar um novo rumo em sua carreira, marcada pela troca de treinador.

Após alguns anos fora do UFC, Frank Mir voltou, mas ainda não conseguiu nenhuma vitória nas lutas em que participou. Seu confronto contra Pezão em Porto Alegre é uma tentativa de reverter este quadro.

ufc_pezao_mir1

(Publicado originalmente em Budweiser)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s